Quando usar suplementos e vitaminas?

suplementos-e-vitaminas
Foto: Shutterstock

A prescrição de suplementos e vitaminas deve ser orientada individualmente por profissionais habilitados, como médicos e nutricionistas.

As necessidades de cada indivíduo podem ser diferentes, e a segurança para o uso deve ser avaliada caso a caso.

Qual a função de suplementos e vitaminas?

  • Aminoácidos e proteínas: revisões científicas têm mostrado que estes ativos podem auxiliar na redução da perda de massa muscular. Em particular, o aminoácido leucina pode ser considerado um modulador do metabolismo muscular, ajudando tanto na síntese das fibras musculares, como na utilização da glicose pelos músculos.
  • Vitaminas: outros micronutrientes relevantes para a função osteomuscular são aqueles que apresentam funções antioxidantes, como a vitamina C e a vitamina E, e que também auxiliam na formação e função do colágeno. Já a vitamina D, que pode ser obtida por meio da exposição ao sol, faz parte de diversos suplementos vitamínicos e ajuda na absorção do cálcio, também se torna importante para a manutenção da densidade e resistência dos ossos. Vale lembrar que a vitamina D também é importante para a função adequada do sistema imunológico.
  • Polivitamínicos e colágeno: são igualmente recomendados, sobretudo, para aqueles que já não conseguem mais realizar refeições completas.
  • Nutricosméticos: podem ser usados, desde que combinados com outros produtos de uso tópico ou caso o paciente tenha feito algum procedimento dermatológico, como estimulação de colágeno, por exemplo. Os mais eficazes são aqueles que atuam como antioxidantes, auxiliando, inclusive, contra o fotoenvelhecimento.

Fonte: Guia da Farmácia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *